Natascha e Vladimir - 20 de Dezembro 08

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

O nosso último evento do ano foi muito especial, foi o casamento da Natascha e do Vladimir.
Um casal extremamente apaixonado, cheio de vida, participativo e perfeccionista.
Eles escolheram cada detalhezinho do casamento durante os preparativos de quase dois anos.
Adoradores de um boteco com cervejinha bem gelada, o casal queria dar um clima bem descontraído à sua festa. Queriam ainda um local diferente, que tivesse a cara do Rio e fosse marcante, já que grande parte dos seus convidados era de fora.
A cerimônia aconteceu na Nossa Senhora do Brasil, com uma vista espetacular do Rio, e a festa foi no Paço Imperial.
Ambos queriam cores fortes e alegres, então abusamos do Pink, Amarelo, Laranja, Verde e Roxo.
Uma curiosidade é que no salão do Paço não é permitido fumar e nem a utilização de nada com fogo. Sendo assim, não poderíamos usar velas. Recorremos então às “lanternas japonesas” como alternativa de iluminação, e ficou lindo!
A festa teve prorrogação de uma hora e os noivos, que eram os mais animados, foram os últimos a sair do salão com a promessa de que continuariam bebendo em algum bar carioca.

Vejam algumas fotos:





Read more...

Casamento Íntimo – Pequena Recepção

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Para quem ainda está em dúvida se é de bom gosto ou se vale a pena fazer um casamento apenas para os mais chegados, a revista época publicou hoje no site uma pequena matéria com razões para escolher um casamento pequeno.

São elas:

O casamento dos sonhos é possível

Ao optar por uma lista seleta de convidados, os noivos diminuem significativamente os gastos da festa. Desse modo, vestidos feitos sob medida, sapatos de estilistas famosos, jóias deslumbrantes e aquela banda especial tornam-se possíveis quando se evita gastar enormes quantias de dinheiro alimentando centenas de convidados famintos. “Com um casamento pequeno, os noivos podem oferecer uma festa com mais qualidade”, afirma Vilma.

Noiva em foco

Sejamos honestos: o dia do casamento pertence à noiva. Quando existem muitos convidados, ela pode ser ofuscada. Mas em festas pequenas, a noiva é o centro das atenções, e será paparicada por todos.
Menos stress, mais amor
É comum casamentos enormes gerarem muito estresse e desgaste na relação dos noivos. Existem relatos de noivas que ficam doentes, deprimidas, exaustas ou até terminam com seus parceiros em decorrência da preocupação que um grande casamento gera.

Muita diversão

Quem já viveu a experiência de não conseguir aproveitar direito a própria festa de aniversário por ter que se desdobrar ao dar atenção a todos deve ter uma idéia do que um enorme casamento pode ser para os noivos. Com poucas pessoas e um clima mais íntimo, o casal pode encarar o pós-cerimônia não como uma obrigação social, mas sim do jeito que deveria ser, uma festa!

Amigos do peito

Festas pequenas fornecem a desculpa ideal para convidar apenas quem você ama. Nada de primos distantes, colegas de trabalho chatos ou amigos de amigos inoportunos. Afinal, os parceiros de bridge de sua avó não irão se ofender com a sincera explicação “o casamento será muito pequeno, apenas para amigos íntimos e familiares”. A melhor parte? Os noivos aproveitarão o melhor dia de suas vidas com quem realmente amam.

Leia a matéria completa em: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI17152-15254,00-POR+QUE+CASAMENTOS+PEQUENOS+SAO+O+MAXIMO.html

Read more...

Capelas com salão de festas em anexo

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Fazer a cerimônia e a festa em um único local, com certeza traz como benefício uma economia e tanto. Não há deslocamento, não paga-se o custo de aluguel de dois lugares, dá pra pagar menos na decoração e etc.
Mas quando o casal deseja casar-se na Igreja Católica, infelizmente este custo não pode ser economizado. Padres católicos não celebram casamentos em casas de festas ou qualquer outro lugar que não seja a Igreja.
Se o casal deseja fazer algo mais simples e mais barato, uma sugestão é fazer a comemoração no salão anexo da Igreja. Foi-se o tempo em que as comemorações realizadas ali eram meramente um bolinho com refrigerante e espumante. Hoje dá pra realizar verdadeiras festas, com DJ e muita animação.

Algumas Capelas no Rio de Janeiro que disponibilizam salão para festas:

Rio:
. Capela de Nossa Senhora das Graças - Botafogo
. Capela Real - Flamengo - www.capelareal. com.br
. Santa Ignês - Gávea
. Santo Cristo dos Milagres - Alto da Boa Vista - . http://www.capelasantocristo.com.br/santo/
. Santo Cruz dos Militares - Centro do Rio
. Sagrado Coração - Glória
. Outeiro da Glória - Glória
. Nossa Senhora da Luz - Alto da Boa Vista
. Igreja de São Pedro - Rio Comprido
. Pequena Cruzada - Lagoa - http://www.pequenacruzada.org.br/

Niterói:
. Basílica de Nossa Senhora Auxiliadora - Santa Rosa (não é capela, mas é linda!!!)
. Igrejinha de São Francisco - São Francisco

Vocês lembram de mais alguma?
Se sim, comente, que eu atualizo.

Read more...

Primeira Dança Coreografada

domingo, 11 de maio de 2008

Há algum tempo um programa da People and Arts tem inspirado muitos casais Brasileiros: "Nossa Primeira Dança". Lógico que devemos considerar também o quadro "Dança dos Famosos", que motivou, sem dúvida nenhuma, a abertura de dezenas de escolas de dança de salão pelo país.
Justificativas à parte, o fato é que cada vez mais casais têm inovado em sua primeira dança. A opção tem sido por aulas particulares com professores de sua dança predileta. Nessas aulas uma coreografia é montada, de acordo com o estilo do casal, e eles ensaiam até a data do casamento.
Logicamente para quem tem mais contato com a dança tudo fica mais fácil. A dança acaba fluindo naturalmente independentemente do grau de dificuldade da coreografia.
Mas não é necessário ser um Ás dos bailes para arriscar o dois pra cá e dois pra lá na celebração de seu enlance. Necessário mesmo é muita boa-vontade e horas e horas de ensaio.

Selecionei alguns videos no You Tube de casais dançando diversas coreografias.














Pontos importantes:

. A noiva deve adequar o seu vestido ao estilo musical escolhido. Não dá pra dançar tango com mil anáguas, fato!
. Só optem por este tipo de primeira dança se sentirem muito à vontade. Lembre-se, a festa inteira estará olhando pra vocês!!!

Read more...

Promessas Matrimoniais

quarta-feira, 7 de maio de 2008


Não sei de quem é a autoria deste texto. No e-mail me informado que era de Mario Quintana, mas prefiro não confirmar.

Bom, de qualquer forma o texto é lindo.
Vejam!


"Promete não deixar a paixão fazer de você uma pessoa controladora, e sim respeitar a individualidade do seu amado, lembrando sempre que ele não pertence a você e que está ao seu lado por livre e espontânea vontade?

Promete saber ser amiga(o) e ser amante, sabendo exatamente quando devem entrar em cena uma e outra, sem que isso lhe transforme numa pessoa de dupla identidade ou numa pessoa menos romântica?

Promete fazer da passagem dos anos uma via de amadurecimento e não uma via de cobranças por sonhos idealizados que não chegaram a se concretizar?

Promete sentir prazer de estar com a pessoa que você escolheu e ser feliz ao lado dela pelo simples fato de ela ser a pessoa que melhor conhece você e portanto a mais bem preparada para lhe ajudar, assim como você a ela?

Promete se deixar conhecer?

Promete que seguirá sendo uma pessoa gentil, carinhosa e educada, que não usará a rotina como desculpa para sua falta de humor?

Promete que fará sexo sem pudores, que fará filhos por amor e por vontade, e
não porque é o que esperam de você, e que os educará para serem independentes e bem informados sobre a realidade que os aguarda?

Promete que não falará mal da pessoa com quem casou só para arrancar risadas
dos outros?

Promete que a palavra liberdade seguirá tendo a mesma importância que sempre teve na sua vida, que você saberá responsabilizar- se por si mesmo sem ficar escravizado pelo outro e que saberá lidar com sua própria solidão, que casamento algum elimina?

Promete que será tão você mesmo quanto era minutos antes de entrar na igreja?

Sendo assim, declaro-os muito mais que marido e mulher: declaro-os maduros."

Read more...

Casamento Budista

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Os convidados para um casamento budista são recebidos e saudados com vários cânticos, tal como o noivo enquanto espera pela noiva.

Resumo:

Quando ela chega, é recebida por um leitor que a leva até ao noivo. Os noivos ajoelham-se diante de um móvel que contém o pergaminho sagrado.
Depois o casal bebe de três taças com tamanhos diferentes, o que simboliza a forma como as suas vidas crescerão dentro do casamento.
Poderá haver uma troca de alianças, seguindo-se um sermão do leitor. A cerimônia termina com aplausos e congratulações aos noivos.

Cerimônia com detalhes:

Para os budistas o ritual o casamento não é considerado um dever religioso é uma opção pessoal.
Depois das formalidades do registro civil, os noivos recebem uma bênção dos monges no templo local.
Embora os monges budistas não oficializem a cerimónia legalmente, eles fazem um serviço religioso, para abençoar os noivos. Do ponto de vista budista, o casamento nem é sagrado nem não-sagrado.

Trajes:

A família decide a cor dos trajes da noiva e do noivo, nunca escolhendo a cor preta.Cores quentes como o vermelho ou o dourado são as cores preferidas para esta ocasião.
A noiva budista usa um vestido bordado chamado, o tradicional bhaku. O vestido lembra um sarong comprido. A noiva usa o vestido com uma blusa sem mangas, complementado com um casaco especial, um lenço e alguma bijutaria feita de pedras preciosas e semipreciosas, como as pérolas. A noiva usa também sapatos especiais feitos para o casamento.
O noivo budista também usa um bhaku, só que com mangas. O bhaku tem um comprimento até aos tornozelos, o traje bordado é usado com um colete chamado lajha. O noivo usa também uma capa bordada e uma faixa à volta da cintura.

Ritual do casamento budista:

Em frente a um altar do deus Buda, todo decorado com flores e velas, os noivos, as famílias e os convidados se juntam.
O noivo, a noiva e os convidados recitarão o Tisarana, Pancasila e o Vandana quer em Pali, ou em outra língua.
Solicita-se aos noivos que acendam as velas e os incensos. Continuamente os noivos oferecem flores à imagem de Buddha.
Depois disto, o noivo e a noiva deverão recitar à vez, os votos que são prescritos para cada um deles.

Votos do noivo: "Em frente à minha mulher que acolho, aceito ama-la e respeitá-la, ser amável, ser fiel, delegar as tarefas domésticas e providenciar presentes para a satisfazer”.

Votos da noiva: “Em frente ao meu marido que acolho, aceito realizar as tarefas domésticas eficazmente, ser hospitaleira paracom os seus parentes e amigos, ser fiel, proteger os nossos ganhos, efectuar as minhas responsabilidades com amor e conscienciosamente”.

No fim da cerimónia, só os pais ou os semelhantes citarão o Mangala Sutta e o Jayamangala Gatha oferecendo a sua bênção aos noivos.

Recepção

Para a recepção, ainda que o casal tenha optado por uma cerimônia tipicamente budista, temos que ter em mente que estamos no Brasil. Sendo assim, a festa não precisa seguir plenamente as tradições, pode sim ser uma festa mais tradicional, apenas com alguns toques orientais.
Seguindo esta linha, o investimento maior fica por conta de decoração. Utilização de mobiliário em madeira crua, biombos, estatuas e cestas combinam bem com o "tema". O budismo possui as cores amarelo e vermelho como base, então, pode-se utilizar estas mesmas cores para dar o tom da recepção.

Por fim, para lembrancinhas, fica a dica: incensos ou biscoitinhos da sorte.



Agradecimentos ao site Casamento e Cia

Read more...

Conselhos do Padre Navarro

quarta-feira, 2 de abril de 2008

O Padre Navarro é o pároco de uma Igrejinha no alto da Boa Vista, a Santo Cristo dos Milagres.
Quem já foi a uma cerimônia realizada por ele sabe que é inesquecível.
O ponto alto, na minha opinião, são os conselhos dado ao casal. Que na verdade valem para todos os casais.

Posto aqui alguns deles:

. Sempre fazer ao menos uma refeição por dia juntos. E rezar antes da refeição.
. Agradecer sempre a Deus pelos momentos juntos, pela refeição, e tornar isso um hábito.
. Desligar a TV na hora da refeição. A refeição é o momento de reunião, de conversar, confraternizar e agradecer a Deus. E a TV fica meio que sobrando nessa confraternização.
. A TV deve ficar na sala. TV no quarto é fim de casamento na certa...
. Brigar um de cada vez e ceder a vez de brigar;
. Quando brigar de noite, fazer as pazes antes do amanhecer;
. Quando brigar de dia, fazer a spazes antes do anoitecer;
. A esposa deve se embelezar para ficar dentro de casa e não só para sair e o marido tambem deve estar sempre barbeado para sua esposa.
. Lembrar de dizer sempre as três palavrinhas: "Eu te amo", que são as palavras fortes entre os dois, costurando este amor e este carinho. Dizê-las muitas vezes, até quando estiverem brigando!
. Não existe coisa pior do que sogro e sogra contrariados. Nada pior do que começar um casamento sem a benção dos pais.
. Estar sempre atento às coisas um do outro. Quando cortou o cabelo, quando colocou um vestido diferente...
. Ter sempre tempo para o outro. Nenhum sucesso justifica o fracasso familiar!
. Falar de tudo um para o outro (o que chateou, as coisas boas,...) nem que sejam 10 minutos por dia!
. Não tenham pressa de terem os filhos. Deixem, primeiro, consolidar o papel de marido e mulher. Alguns casais se atiram rapidinho no papel de pai e mãe, a mãe vira "supermãe", o pai vira "paitrocinador", os dois vão se distanciando, as crise vêm, as cobranças aumentam, os dois notam que pararam no tempo e que deixaram, há muito tempo, de ser marido e mulher.

Read more...

Casamento sem Festa - Bolo com Champagne

sexta-feira, 28 de março de 2008

Ok. A maré não tá pra peixe e, por motivos óbvios, alguns casais optam por não fazer grandes festejos para celebrar seu enlace. Preferem priorizar a grana para montar sua casa ou bancar uma lua de mel inesquecível.
Vergonha nenhuma.
Mas para aqueles que não querem deixar passar em branco fica a sugestão.
Que tal montar um simples bolo com champagne após a cerimônia?
O gasto vai depender do seu orçamento.
Obviamente, quanto mais pessoas forem convidadas, mais vai se gastar.
Este tipo de evento pode ser realizado logo após a cerimônia religiosa, no salão paroquial ou qualquer outro ambiente muito próximo da Igreja/ Templo. Tem duração curta, na média duas ou três horas. Tempo suficiente para agradecer a presença dos convidados, tirar muitas fotos, fazer um brinde e cortar o bolo.
Para este tipo de recepção não é necessário que sejam disponibilizadas mesas e cadeiras para todos os convidados. O ideal é que todos fiquem de pé mesmo, como em um coquetel. Algumas poucas cadeiras ou lounges são importantes, por causa das pessoas mais idosas.
A decoração é bem simples, arranjos mais caprichados na mesa dos bolos e doces. Pode-se servir um mini coquetel com salgadinhos diversos, refrigerante e sucos.
E o bolo, acompanha docinhos finos e bem-casadose é claro: champagne, prosseco ou lambrusco, dependendo do gosto do casal.
A contratação de garçons é importante, para que todos sejam bem servidos no tempo em que estiverem no salão.
Não há necessidade de contratação de DJ, apenas que seja disponibilizada uma música ambiente.
Para ficar claro aos convidados de que não haverá festa, apenas um brinde, fica a dica: no convite deve vir escrito "após a cerimônia os noivos receberão os convidados para um brinde no salão paroquial". esta é uma maneira elegante de convidar para o bolo com champagne, evitando maiores expectativas.
Com certeza esta é uma maneira econômica de receber os convidados sem deixar de ter um belo album de fotografias depois, afinal de contas, é só isso mesmo que fica, além das lembranças.

Read more...

Algumas Capelas no Rio de Janeiro

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Capela Real de Nossa Senhora das Graças
http://www.capelareal.com.br/
. Rua Paulo Vl, 60, Flamengo
. Na capela cabem 200 pessoas sentadas, ao lado, um salão de festas que comporta mais de 300 pessoas

Capela do Palácio Guanabara
. Rua Pinheiro Machado - Laranjeiras
. Pequena, mas conta com uma varanda charmosa para a realização de um bolo com champagne

Capela Santo Cristo dos Milagres
http://www.capelasantocristo.com.br
. Estrada da Paz, 1626 - Alto da Boa Vista
Bem pequenininha, cabem apenas 90 pessoas sentadas. Localizada no Alto da Boa Vista, seu ponto alto é possuir um salão ao lado todo envidraçado e o celebrante é um dos mais famosos padres do Rio, o Padre Navarro, famoso por lindas celebrações e um ritual único.

Read more...

Casamento Prático - Cerimonial e Mini Weddings no Rio de Janeiro Copyright © 2011-2017 - Todos os Direitos Reservados